FANDOM



Catalina Vialpando é uma personagem da série Grand Theft Auto, considerada antagonista principal de Grand Theft Auto III (2001), que também aparece como uma personagem principal em Grand Theft Auto San Andreas (1992).

Ela é uma criminosa em Red County em GTA San Andreas e líder do Cartel Colombiano em GTA III. Ela também é a prima do líder da gangue Varrios Los Aztecas, Cesar Vialpando, morreu em 2001 quando foi atingida por um lança foguetes, disparado por Claude.

HistóriaEditar

PersonalidadeEditar

Catalina é retratada como uma psicótica imprudente e extremamente agressiva, que usa seus parceiros até que eles deixem de ser úteis a ela (como visto com Carl Johnson, Claude e Miguel). Muito mais do seu psiquismo é trazido à tona durante suas conversas com Carl Johnson durante os eventos de GTA San Andreas, e com frequência nas missões.

Ela também parece sofrer de um complexo de perseguição, possivelmente devido a um tratamento cruel por seu irmão e padrasto quando criança, dizendo a Johnson "Eles tiveram que morrer, porque VOCÊ estava lento e estúpido, como um moleque gordo grande que come chocolates, enquanto o pai não dá nada para o sua enteada além de pão velho e bolorento!" depois de uma missão em que Catalina mata várias pessoas em um clube de apostas culpando Carl por isso.

TeoriaEditar

Alguns fãs também creem que Catalina seja uma Serial Killer já que perto de seu esconderijo em San Andreas a uma cadeira de rodas, e só a noite (Entre 00:00 e 01:00) ela aparece e tenta matar CJ (Carl Johnson), a também covas além de marcas de tiros e sangue na cabana.

Vida até 1992Editar

Catalina1992

Catalina em 1992.

Catalina, 27 anos, descendente de mexicanos e colombianos, começou suas atividades criminosas, em algum momento antes de 1992, quando se encontrou com Carl Johnson com a recomendação de seu primo, Cesar Vialpando, reunidos em primeiro encontro em Dillimore, com Catalina ameaçando dois homens com um faca.

Relacionamento com CJEditar

Os dois tornam-se romanticamente envolvidos em 1992, Catalina colocou CJ em uma forma extrema de BDSM antes de cometer um assalto. Os dois começam a roubar vários "alvos fáceis" identificados por Catalina, incluindo um posto de gasolina em Dillimore, um banco em Palomino Creek, uma loja de apostas em Montgomery e uma pequena loja de bebidas em Blueberry.

Relacionamento com ClaudeEditar

O relacionamento deles, no entanto, torna-se tenso sobre o desejo de dinheiro de Carl para ajudar a tentar libertar seu irmão, Sweet, que foi preso pelo Departamento de Polícia de Los Santos. Após os dois separados, ela começa uma relação com Claude e "ajuda" ele em duas corridas envolvendo Carl e Wu Zi Mu. Johnson, que vence as duas corridas, ganha uma garagem em Doherty ao invés de dinheiro. Claude, que vai com Catalina em uma viagem de nove anos para Liberty City. Catalina, no entanto, continua a telefonar para Carl e provocá-lo sobre seu relacionamento com Claude, o chamava por exemplo de: porco, cj louco, idiota, bicho, e até mesmo em certa ocasião, enquanto supostamente fazia sexo com Claude, ele telefonou á Carl, gemendo e dizendo para Claude "ir mais fundo, forte e rápido".

1992 à 2001Editar

Catalina e Claude, depois de deixar San Andreas, iniciam uma viagem de nove anos para Liberty City, passando por muitos estados americanos a cometendo assaltos a bancos, incluindo o Texas e Novo México. Os dois, em algum ponto, voltam para San Andreas e compram bilhetes de avião para São Francisco, que foram descobertos no apartamento de Catalina em Los Santos ou San Fierro. Os dois, porém, continuam em sua jornada para Liberty City, chegarem ao seu destino, em Outubro de 2001.

Cartel ColombianoEditar

Após chegar em Liberty City, Catalina começa com debates e se torna a líder do Cartel Colombiano, e com alguns de seus membros (Incluindo Miguel) rouba um banco na cidade. Depois de roubar o banco, ela dispara a arma em Claude, ele cai "morto" no chão, e explicando que ele é "perda de tempo". Ela continua suas atividades criminosas com o Cartel, aumentando a produção de SPANK e ataca os Yazuka em Staunton Island e a Família Leone em Portland Island.

ClaudeEditar

Durante este período, Claude conseguiu escapar do tiro que Catalina lhe dera, e foge de um comboio da LCPD, involuntariamente, com a ajuda do Cartel colombiano (Que tentavam capturar o Cavalheiro Japonês) ele começou a trabalhar para o honrado Leone Luigi Goterelli. Depois de provar a si mesmo, Claude começa a trabalhar para o Don da Família, Salvatore Leone, que segue o Barman de Luigi Sex Club 7, Curly Bob em Portland Harbor, onde ele é visto "vendendo" os segredos dos Leones para Catalina e Miguel. Salvatore manda então Claude destruir um Navio cargueiro utilizado pelo Cartel para a produção de SPANK.

Claude depois foge para Staunton Island e começa a trabalhar para Yakuza co-líder Asuka Kasen que começa a atacar o Cartel após a morte de seu irmão Kenji às mãos de um "Cartel assassino", que foi realmente Claude a trabalhar sob as ordens de Donald Love. Love depois envia Claude para recolher um pacote de um estaleiro em Fort Staunton, onde mais uma vez encontra Catalina e Miguel. Asuka, desesperada para se vingar da morte de seu irmão, começa a tortura Miguel para conseguir informação, em seguida, usando as informações para atacar os interesses do cartel, incluindo a destruição de stands de venda de café com SPANK pelo Cartel.

Catalina, no entanto, contra-ataca e mata os dois, Asuka e Miguel, e sequestra Maria Latore, usando-a como refém e exigindo um resgate de $500.000 ser trazido para a sede do cartel em Cedar Grove. Claude decide levar o dinheiro do resgate para Catalina e consegue escapar de uma emboscada, feita pela Catalina, que foge num helicóptero e mantém Latore como refém. Claude segue a Catalina até Cochrane Dam, onde ele destrói o helicóptero com um lançador de foguetes, matando Catalina e gravemente o Cartel.

AssassinatosEditar

  • Miguel (morto por contar segredos do Cartel à Asuka)
  • Asuka Kasen (morta para raptar Maria e pelas interrupções das atividades do Cartel)
  • Policiais (mortos na fuga com Carl Johnson para o esconderijo)
  • Ladrões de loja (mortos por roubarem uma loja antes de Catalina e Carl)

Aparição em MissõesEditar

GTA IIIEditar

GTA San AndreasEditar

CuriosidadesEditar

  • Catalina é a única antagonista feminina na série Grand Theft Auto.
  • Catalina é visivelmente diferente da versão original PS2 do GTA III.
  • Seu sobrenome é revelado em Grand Theft Auto San Andreas, onde se descobre que seu primo é Cesar Vialpando, então se sabe que o seu nome é Catalina Vialpando.
  • Ela é a única antagonista principal da Era III a aparecer em mais de um jogo.
  • Na casa dela e possível ver 3 covas e uma pá.

GaleriaEditar

NavegaçãoEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.